terça-feira, 25 de setembro de 2007

Exposição de Paula Rego abre hoje no Museu Rainha Sofia


Duas centenas de pinturas, desenhos e gravuras integram a exposição de Paula Rego que hoje é inaugurada no Museu Nacional Rainha Sofia, em Madrid, a maior e mais completa exposição retrospectiva da obra da pintora já apresentada em Espanha.

A exposição, comissariada pelo historiador Marco Livingston, estará patente até ao dia 30 de Dezembro.
Dela fazem parte cerca de 80 pinturas - incluindo os monumentais quadros pintados a pastel, o material preferido da pintora desde 1994 - 60 desenhos e 60 gravuras e litografias.
O «site» do Museu Nacional Centro de Arte Rainha Sofia - um dos mais importantes museus de arte moderna de Espanha - apresenta Paula Rego, nascida em Lisboa, 1935, e formada na Slade School of Fine Art, em Londres, onde fixou residência, como «uma das pintoras figurativas mais relevantes da cena internacional».
«A sua obra artística - lê-se ainda - está enraizada em experiências e recordações pessoais, em perversas fantasias e na história da arte e da literatura».

Diário Digital / Lusa

2 comentários:

Pedro Luis disse...

É pena uma pintora da qualidade de Paula Rego ser tão pouco conhecida em Espanha.

Wellington Almeida disse...

Eu só conhci o trabalho dela depois que vi alguns deles no Berardo. Fiqueid e queixo caído, ela é maravilhosa.